Neste artigo vamos falar sobre como a depilação a laser e a foliculite estão intrinsecamente ligadas. Mas, antes de começarmos a explicar como a foliculite e a depilação a laser estão relacionadas, achamos essencial que saibas exatamente o que é este “problema”.

A foliculite, ou pseudofoliculite, não é mais do que uma pequena infeção do folículo piloso que provoca o aparecimento de um pequeno nódulo de pus na pele. Pode afetar tanto as mulheres como os homens e é frequente nas zonas onde o pelo é mais espesso (zona facial, virilhas, pernas, etc.).

É de salientar que existe uma diferença subtil entre a foliculite e a pseudofoliculite: esta última é uma pequena inflamação provocada por um pelo que formou um quisto, e o organismo reage de forma pontual gerando uma inflamação controlada; enquanto a foliculite é algo recorrente em que o gatilho é o próprio poro e não o pelo.

ilustração da foliculite - posso fazer depilacao a laser com foliculite

Causas da foliculite

A foliculite é uma infeção que qualquer pessoa pode contrair, mas existem fatores de risco que podem torná-lo mais propenso a ela:

  • Se sofreres de alguma doença que reduza as tuas defesas contra as infeções, como a diabetes, o VIH ou a leucemia crónica.
  • Dermatite ou acne: no caso da acne, a toma de antibióticos durante um longo período de tempo para a melhorar pode favorecer o aparecimento de foliculite.
  • Fricção com a roupa: o calor e o suor produzidos no corpo e mantidos em contato direto com a pele durante um período de tempo prolongado podem agravar este problema. As roupas apertadas também podem provocar a foliculite.
  • A utilização de métodos de depilação que arrancam o pelo pela raiz, como a depilação com cera podem provocar “pelos purulentos”.
  • Embora não seja a mais frequente, a foliculite pode ser causada por fungos ou vírus. Se suspeitares disso, recomendamos que consultes diretamente o teu médico de família.

 

Reduzir os problemas de foliculite com a depilação a laser

A foliculite e a depilação a laser estão intimamente relacionadas. Se já sabes o que é a foliculite (praticamente todos nós já sofremos com ela em algum momento), a próxima coisa que precisas de saber é que a depilação a laser é a solução perfeita para eliminar esta condição. Vamos contar-te tudo sobre isso a seguir.

 

Como podemos livrar-nos da foliculite?

Quando a foliculite não é grave, a forma mais comum de obter uma solução rápida e imediata é a esfoliação. No entanto, esta não resolve o problema de forma definitiva e pode acabar por ter efeitos negativos na tua pele se o fizeres diariamente e com uma esfoliação demasiado agressiva.

Relativamente à foliculite e à depilação a laser, podemos afirmar que esta condição melhora com um tratamento de depilação adequado. Através do laser díodo e do impacto da luz que se gera diretamente sobre a derme, consegue-se o desaparecimento automático do pelo. Assim, qualquer tipo de irritação ou encrespamento do pelo é eliminado e podemos pôr fim a este problema diretamente e desde a primeira sessão. Ou seja, a depilação a laser é capaz de eliminar a foliculite.

depilacao a laser tira foliculite

Alguns conselhos para a prevenção da foliculite

Certamente, todos nós já tivemos um ou mais pelos encravados em algum momento, devido a situações quotidianas às quais estamos expostos, como a fricção com a roupa ou depilação com métodos mais agressivos. Mas quando afeta grandes áreas do corpo e se repete frequentemente, é quando se torna um problema.

Para aqueles que já sofreram com isso, temos algumas dicas para evitar a foliculite que podem ser complementadas com o teu tratamento de depilação a laser díodo, como mencionado acima.

  • Lavar os artigos de higiene pessoal e de estética de maneira isolada e com temperaturas elevadas.
  • Evitar a utilização de cremes que limitem a transpiração da pele.
  • Durante um período de tempo, e até que a situação melhore, evitar atividades que gerem uma transpiração elevada.
  • Esfoliação suave das zonas afetadas.

 

Se achaste o nosso artigo sobre foliculite e depilação a laser interessante, ou se ainda tens alguma dúvida sobre o assunto, podes deixar um comentário ou contactar-nos através das nossas principais redes sociais, como o Instagram ou do Facebook, teremos todo o gosto em ajudar-te.

E se quiseres acabar com a foliculite de uma vez por todas, não hesites em iniciar o teu tratamento de depilação a laser díodo na Láserum. Pede a tua marcação clicando no botão abaixo!

Posts relacionados
Depilação a laser: qual o intervalo entre sessões
Depilação a laser: qual o intervalo entre sessões

Para obteres uma pele livre de pelos, a depilação a laser díodo é a opção mais eficaz e com resultados permanentes disponíveis no mercado. Para alcançares os resultados desejados, é essencial saberes de quanto em quanto tempo deves fazer a depilação a laser.  O...

read more
Celebramos o nosso sétimo aniversário!
Celebramos o nosso sétimo aniversário!

No dia 7 de fevereiro de 2017 abriu as portas o nosso primeiro centro: Láserum Sevilha - Viapol. Sim, já são 7 anos ou 2536 dias, 365 semanas, 84 meses. Durante este tempo tivemos novos produtos, mudanças de imagem, diversas campanhas e mais de 200 centros em Portugal...

read more