A depilação a laser é altamente eficaz na grande maioria dos casos e as fases de crescimento do pelo estão relacionadas com isso. Este é um facto comprovado através do que observamos nos Centros Láserum no dia a dia. Além dos seus resultados rápidos, existem alguns fatores, como a fase do pelo, que devem ser tidos em conta para que a depilação seja mais eficaz e tenha efeitos mais rápidos e visíveis.

Neste artigo vamos abordar todas as fases de crescimento do pelo, especificando cada uma delas e analisar em qual delas é que a depilação a laser pode ser mais eficaz. Além disso, também vamos abordar outras técnicas que podem ajudá-lo a obter melhores resultados com o tratamento de depilação a laser, sempre com a orientação de especialistas.

Continue a ler e descubra mais sobre este tema!

Quais são as fases de crescimento do pelo?

Antes de falar sobre as diferentes fases de crescimento do pelo, vale a pena lembrar que o pelo é constituído principalmente por dois elementos: a haste e o folículo piloso. A haste é a parte mais visível do pelo, ou seja, é o que conhece como pelo e que cobre a pele.

O folículo piloso, por outro lado, é a ‘raiz’ do pelo, que fornece as células ativas responsáveis por fomentar o crescimento do mesmo, quer pela sua queda natural, quer pela sua remoção através de métodos como a depilação.

Depois de definirmos estes conceitos é possível compreender muito melhor quais são as fases de crescimento do pelo e as implicações de cada uma delas. Existem três fases do crescimento do pelo: anágena, catágena e telógena.

mejor momento para la depilacion laser

Fase anágena do pelo

A fase anágena é a fase ativa do pelo, quando está em pleno crescimento. Nesta fase, o pelo é ancorado na papila e o período de crescimento depende essencialmente da genética e da área onde cresce.

Durante esta fase, as células da papila dividem-se para produzir novas fibras capilares. Por outras palavras, é durante esta fase que os pelos são mais ativos, promovendo o seu crescimento.

Fase catágena

A catágena é a fase de transição do crescimento do pelo, que dura cerca de 3 semanas. Aproximadamente 3% dos pelos está permanentemente nesta fase.

Durante esta fase, o crescimento do pelo para e separa-se da papila, ao mesmo tempo que a atividade das células matrizes acaba.

Fase telógena

A fase telógena é a fase de descanso do pelo. Normalmente representa 8% de todos os pelos.

Durante esta fase de crescimento do pelo, o pelo desprende-se do folículo piloso, quer por causas naturais, quer para dar lugar a um novo pelo, que inicia um novo ciclo na fase anágena.

Numa pessoa saudável, as três fases de crescimento do pelo costumam dar origem a um ciclo, no qual o corpo regenera o pelo a partir dos folículos capilares.

Qual é a fase de crescimento do pelo em que o laser é mais eficaz?

Uma vez conhecidas as três fases de crescimento do pelo, é importante mencionar que é durante uma delas que o laser é mais eficaz. A fase anágena, quando o pelo o está em crescimento graças às células ativas, é o momento mais favorável para o tratamento de depilação a laser.

Isto porque, nesta fase, o pelo ainda está preso à papila, que é um dos elementos que compõem o folículo piloso. Quando o laser destrói a papila, a possibilidade de crescimento de pelos é eliminada.

Além disso, durante este período o pelo possui melanina em abundância (o pigmento do pelo é o mesmo que o do cabelo). Como já mencionámos noutras ocasiões, o laser tem um impacto mais positivo nos pelos com mais melanina: quanto mais forte e escuro for o pelo, mais eficaz será o laser.

Esta é, portanto, a fase de crescimento dos pelos em que o tratamento da depilação a laser é mais eficaz.

O que posso fazer para tornar o laser ainda mais eficaz?

Deve ter em conta que, como é referido acima, o pelo nem sempre está na fase anágena, e é por isso que são necessárias um determinado número de sessões para remover o pelo, para além disso, também depende do tipo de pele e pelo de cada pessoa.

No entanto, embora os nossos especialistas determinem sempre o melhor momento para o tratamento de depilação a laser, existem algumas práticas que pode fazer para acelerar a queda dos pelos e tornar o seu tratamento de depilação a laser ainda mais eficaz, para além de ter em conta as fases de crescimento dos pelos.

Fazer a depilação a lâmina uma vez por semana

Sabemos que falamos sobre esta prática repetidamente, mas é tão importante que não podemos parar de referi-la. Ao depilar o pelo uma vez por semana entre as sessões, vai ajudar o pelo a cair, e, como tal, obter resultados mais rápidos.

Lembre-se que, ao fazer a depilação a laser, deve ter em conta as zonas hormonais (facial, linha alba, entre outras), às quais recomendamos não fazer a depilação a lâmina, os nossos técnicos de laser irão tratar destas zonas no próprio dia da sessão.

Esfoliar as áreas de tratamento

É muito importante que realize esta prática uma semana após o tratamento, porque vai fazer com que a sua pele fique menos irritada. Pode utilizar uma luva de crina, esponja ou esfoliante em creme para fazer isso. Desta forma, vai ajudar os seus poros a abrirem-se mais rápido, ajudando os pelos a caírem.

Escolher Aloé Vera para hidratação

Além de hidratar profundamente e ter propriedades calmantes e anti-inflamatórias, a Aloé Vera é um produto natural que não obstrui os poros da pele, ao contrário de outros tipos de hidratantes, como os cremes comedogénicos. Ao deixar os poros livres, os pelos poderão sair e cair de forma fácil e natural após a depilação a laser.

Se seguir todas as dicas, juntamente com os conselhos do técnico especializado de laser sobre a fase de crescimento do pelo, é possível conseguir um tratamento de depilação a laser eficaz, através do qual começará a ver os resultados desde a primeira sessão.

Se depois de ler o artigo continuar com alguma dúvida, pode encontrar-nos nos nossos perfis de Facebook e Instagram. Teremos todo o gosto em ajudá-lo!

Posts relacionados
Como conseguir uma depilação definitiva?
Como conseguir uma depilação definitiva?

Quando pensamos em como podemos conseguir uma depilação definitiva, enquanto tentamos descobrir mais informações, podemos deparar-nos com alguns métodos que afirmam ser definitivos, mas que acabam por não ser. É por isso que a melhor opção é, sem dúvida, a depilação a...

read more
É possível fazer depilação a laser com herpes?
É possível fazer depilação a laser com herpes?

Se chegaste até este artigo, é porque possivelmente tens o vírus do herpes, e estás prestes a iniciar ou a continuar o teu tratamento de depilação a laser díodo. Mas, será que a depilação a laser e o herpes são compatíveis? A resposta é sim, embora com algumas...

read more